Resultados do projeto Integrar para Alimentar 1


Aproveitando o “Seminário Final – Cidadania Ativa: aprendizagens e impactos”, realizado no dia 15 de Março, a Oikos apresentou os resultados finais do projeto Integrar para Alimentar.
O projeto tinha como objetivo principal contribuir para a criação de uma estratégia integrada de alimentação em Portugal, através da integração de políticas públicas setoriais relevantes (agrícola, educativa, social, económica, ambiental e saúde), mais especificamente através da facilitação de um processo multi-stakeholder.
Durante os 2 anos de projeto, os três parceiros do projeto concentraram muito dos seus esforços na influência pública e legislativa direta que resultaram em contributos concretos numa peça legislativa (Decreto-Lein.º85/2015 – Definição do regime jurídico aplicável aos mercados locais de produtores), na emissão de pareceres sobre 4 projetos de lei e no lançamento em Portugal do Pacto de Milão sobre Política de Alimentação Urbana.
O projeto promoveu ou participou em 39 ações colaborativas e de diálogos com entidades públicas, 650 entidades foram envolvidas num processo multi-stakeholder e mais de 2300 cidadãos foram auscultados através de inquéritos e comunidades de prática.
O projeto produziu e disponibilizou um conjunto alargado de documentos. Entre estes destacam-se um manual de boas práticas e um documento de recomendações às partes interessadas, a publicação online de um acervo sistematizado de notícias e diplomas legais (2000-2015) relevantes para a Segurança Alimentar e Nutricional, a publicação online de um acervo de boas práticas (programas e projetos) no âmbito da SAN (distribuídos pelos 6 temas-chave do projeto – Sistema alimentar e nutricional, Ambiente, Saúde, Educação, Segurança Social e Economia).
Pode conhecer mais sobre os resultados do projeto Integrar para Alimentar – AQUI.

Leave a comment

One thought on “Resultados do projeto Integrar para Alimentar